DATA

Na quinta-feira, 28/07, é DIA DO AGRICULTOR.

ANIVERSARIANTES

Completam anos nesta quinta-feira, 28/07: ANA BORGES, EUCIO JUNIOR, LEANDRO SILVA e EDJANE MATHIAS.

13872566_1235471983164827_1324362810_n
Em Pacaraima, ficando um ano mais bela e querida, NELMA COSTA.

DESCONTOS

Da Suíça à Espanha, à Itália e à Grã-Bretanha, os turistas podem economizar um bom dinheiro viajando de trem pela Europa neste verão, com as novas promoções da Rail Europe.

A Rail Europe, a maior distribuidora de produtos das ferrovias europeias no mundo, é a única fornecedora com todos os produtos para quem faz planejamento e reservas de viagens de trem e passeios turísticos na Europa.

Até 9 de agosto de 2016, os viajantes podem receber os seguintes descontos em Euros:

Use o código promocional: 7ESS16 para obter o desconto de 10% em compras de 250 ou mais;
Use o código promocional: 8ESS16 para obter o desconto de 25% em compras de 500 ou mais;
Use o código promocional: 9ESS16 para obter o desconto de 60% em compras de 800 ou mais.
A Rail Europe dispõe de um amplo leque de ofertas à escolha dos clientes, incluindo passes de trem tais como Eurail, France Rail Pass e Swiss Travel Pass; bilhetes de trem que incluem trens de alta velocidade e atividades como passes para cidades.

Os Passes Eurail possibilitam viagens extensas em redes ferroviárias nacionais por toda a Europa, sejam viagens ilimitadas por todos os 28 países participantes com o Eurail Global Pass ou por alguns lugares favoritos com o Eurail Select Pass.

Até 28 de setembro de 2016, os turistas podem receber os seguintes descontos nos produtos mais populares do Passe da Eurail*:
Eurail Global Passes (passes globais da Eurail)
1 dia extra de viagem em passes flexíveis de 5 e 7 dias;
2 dias extras de viagem em passes flexíveis de 10 e 15 dias e em passes de 15 dias contínuos;
3 dias extras de viagem em passes de 22 dias contínuos;
5 dias extras de viagem em passes de um mês contínuo;
Eurail Select Passes (passes da Eurail para países selecionados)
1 dia extra de viagem no Select Passes por dois, três e quatro países;
One Country Passes (passes para um país)
1 dia extra de viagem em passes para um país.

TRENS DE ALTA VELOCIDADE (TRENS-BALA) FRANCESES, conhecidos como TGV (Trains à Grande Vitesse)

Os trens-bala (TGV) oferecem aos turistas viagens eficientes e confortáveis em alta velocidade, para que aproveitem ao máximo sua estada na França, com serviços diretos para as principais cidades francesas. Com Paris como entroncamento, os turistas podem desfrutar viagens memoráveis a bordo dos trens-bala, a caminho de Avignon, Bordeaux, Strasbourg e outras cidades.

Com assentos dignos de Primeira Classe, o viajante pode desfrutar o conforto, serviços de bordo e comodidades que o farão se sentir em casa.

Agora, ao fazer reservas com a Rail Europe até 18 de agosto de 2016, os viajantes irão garantir maior disponibilidade de tarifas mais baixas para Primeira Classe em trens domésticos e em trens internacionais selecionados, incluindo trens-bala das rotas França-Alemanha*.

Aproveite essas vantagens e faça suas reservas, visitando o website da Rail Europe em www.raileurope.com.br ou se conecte com especialistas em viagem no chat ao vivo do website.

Dois exames para detecção do vírus HTLV-1 são incorporados à tabela de procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS). A portaria foi publicada hoje (27) no Diário Oficial da União.

Segundo o texto, o SUS incorpora procedimentos laboratoriais para o diagnóstico da leucemia/linfoma de células T do adulto associado ao HTLV-1. A forma de transmissão do vírus HTLV-1 pode ocorrer pela relação sexual com uma pessoa infectada, pelo uso em comum de seringas e agulhas durante o uso de droga, e da mãe infectada para a o recém-nascido, principalmente pelo aleitamento materno.

RESGATE

A equipe do Austrália Zoo Wildlife Hospital recentemente resgatou um dos menores pacientes já imaginados, um filhote de gambá-planador-pigmeu, e decidiu lhe dar o nome de Boop.

Pesando menos de 1 grama, mais leve que um clipe de papel, a pequenina marsupial foi separada de sua mãe quando ainda era muito novinha para cuidar de si mesma. Felizmente, agora ela está em boas mãos, descansando confortavelmente em uma bolsinha de tricô.

Australia_menor_paciente_hospital2Austrália menor paciente – O gambá-planador-pigmeu quando adulto continua muito pequeno

Foto: Wikipédia

Com sorte, a pequena Boop ficará forte e saudável, mas ela não crescerá muito em tamanho. O gambá-planador-pigmeu adulto é bem pequenino, pesando em média apenas 13 gramas, e detém o título de menor mamífero planador do planeta.

INOVAÇÃO

Na quarta-feira, 27/07, o príncipe herdeiro de Dubai apresentou um ambicioso novo programa para mudar o mundo. “Aceleradores da Dubai Future” (“Dubai Future Accelerators”) vai conectar as mais inovadoras empresas do mundo com importantes parceiros do governo para testar novas soluções para importantes desafios, na escala de toda a cidade.

Os aceleradores do futuro focam em sete “desafios do século 21″, que também representam oportunidades significativas para crescimento econômico, criação de empregos e desenvolvimento social.

Os desafios incluem a aplicação de tecnologias de ponta como AI (inteligência artificial) e robótica, genômica, impressão 3D, livros-razão distribuídos, biotecnologia e biomimetismo, bem como novos modelos de negócios e maneiras de trabalhar. Cada desafio foca em áreas importantes da inovação governamental, incluindo saúde, educação, transporte, infraestrutura, energia renovável e transformação digital.

Diferente de outros programas, Aceleradores da Dubai Future vai focar na implantação de protótipos futuristas na escala de toda a cidade, algo que nenhum outro programa pode oferecer, graças ao forte apoio do governo de Dubai.

Dubai-Future-Accelerators

Lançado pelo príncipe herdeiro de Dubai, Sua Alteza Xeque Hamdan bin Mohammed bin Rashid al Maktoum, o programa reflete as grandes metas dos Emirados Árabes Unidos (EAU) e aquelas de Sua Alteza Xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, vice-presidente e primeiro-ministro dos EAU e governador de Dubai.

Todos podem se candidatar – de empresas startup às de grande porte, desde que tenham um protótipo em funcionamento que trate de um desses desafios acima. As empresas vencedoras vão desenvolver propostas em profundidade para criar projetos-piloto futuristas que podem demonstrar os benefícios de sua tecnologia.

Aceleradores da Dubai Future está sendo conduzido pela Fundação Dubai Future (Dubai Future Foundation) como parte da Agenda Dubai Future, uma campanha de grande alcance para desenvolver soluções e iniciativas do século 21 em todo o mundo. Outras partes da Agenda incluem a Estratégia de Impressão 3D de Dubai (com o Município de Dubai), a Estratégia de Transporte Autônomo de Dubai (com a RTA), o Conselho Mundial do Livro-Razão (Blockchain) e o Museu do Futuro.

PALESTRA

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, é o convidado do LIDE – Grupo de Líderes Empresariais para palestrar sobre “Gestão transformadora para a saúde pública”, no próximo Almoço-Debate. Sob o comando de Luiz Fernando Furlan, chairman of the Board do LIDE, o evento será realizado em 8 de agosto, das 12h às 14h30, no Hotel Grand Hyatt, em São Paulo.

Barros apresentou recentemente o Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (CIOCS) para a Olimpíada e Paralimpíada Rio 2016. Segundo o ministro, há expectativa de que cerca de 20 mil atendimentos médicos e 700 remoções sejam feitas durante os jogos. O Ministério da Saúde investiu R$ 72 milhões para colocar 146 ambulâncias à disposição nos dois maiores eventos desportivos do mundo. De acordo com o governo, a rede terá 235 leitos de retaguarda, em casos de acidentes.

Um dos prováveis questionamentos de lideranças empresariais durante o debate deverá ser a proposta de criação de planos de saúde mais baratos, mas com menos serviços de atendimento obrigatórios. Defendida pelo ministro, a proposta – segundo ele – pode ajudar a ampliar o número de beneficiários de saúde suplementar, reduzir a demanda do SUS e, consequentemente, dar maior folga de recursos para financiar o atendimento na rede pública. Apesar de apoiar a iniciativa, o ministro disse recentemente não ter expectativa de que ela “acabe com a fila do SUS”.

Segundo Barros, a ideia é reduzir a exigência mínima de cobertura definida pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para planos de internação hospitalar.

BOLETIM ALE-RR

Agora é lei. O projeto de lei de autoria dos deputados Jalser Renier (SD), presidente da Assembleia Legislativa de Roraima, e Lenir Rodrigues (PPS), que reconhece o Monte Caburaí como ponto extremo Norte do Estado de Roraima e, consequentemente, do Brasil, foi sancionado pela governadora Suely Campos (PP).

E a importância deste reconhecimento vai além das fronteiras. Para o antropólogo e cientista social Amazoner Okaba, “esse é um passo importante no contexto histórico e também tem valor socioeconômico e cultural para o povo”, disse.

Okaba, que tem uma dissertação de mestrado pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), sobre a Economia Indígena na tríplice fronteira – Brasil, Venezuela e Guiana, ressaltou que o reconhecimento do Monte Caburaí como extremo Norte do país, influenciou na pesquisa.

O fotógrafo Platão Arantes, que coordenou a expedição ao Monte Caburaí em 1988, acredita que a Lei é mais um resultado de uma luta de 18 anos. “Fico feliz. Tivemos o reconhecimento do Ministério da Educação, da Comissão Demarcadora de Limites, depois lutamos para a criação do Dia do Caburaí e agora, através do deputado Jalser Renier e da deputada Lenir Rodrigues, conseguimos essa batalha de tornar o Caburaí reconhecido pelo Estado como extremo Norte”, disse.

Conforme Lenir Rodrigues, ainda se observa em eventos nacionais e propagandas que existe equívoco sobre o extremo norte do país. Na opinião dela, “a Lei vai fortalecer a geografia e a geopolítica do Brasil, enfatizando que Roraima tem realmente um ponto extremo”. Ela defende que no estado é preciso fazer uma divulgação para que as pessoas entendam que é do Caburaí ao Chuí e os próprios roraimenses disseminem a informação.

Dia do Caburaí – De autoria dos deputados Jalser Renier (SD) e Brito Bezerra (PP), foi instituído o dia 8 de setembro como o Dia Estadual do Caburaí, conforme calendário oficial do Estado. A ideia foi também para evidenciar o Monte Caburaí como ponto extremo Norte do país.
O Monte Caburaí tem 1.465 metros de altitude e fica localizado na Serra do Caburaí, no município de Uiramutã, a aproximadamente 319 km de Boa Vista.

@@@@

A lei nº 1.067, de 4 de julho de 2016, institui que no período de 1º a 7 de abril seja celebrada em Roraima a Semana Estadual do Autismo. O projeto é de autoria do deputado Jorge Everton (PMDB) e o intuito é unir classe médica e política para discutir sobre ações e atividades a serem desenvolvidas aos autistas.

O autismo é um transtorno que afeta o desenvolvimento e as habilidades de comunicação e interação social do indivíduo. Na Rede Cidadania Atenção Especial, programa mantido pelo Governo do Estado, há matriculados 70 autistas, entre crianças e adolescentes.
Benefícios – Além da lei recém-sancionada, Roraima também conta com a lei nº 985 de 30 de dezembro de 2014, que proíbe a cobrança de valores adicionais ou sobretaxas para matrícula ou mensalidades de estudantes portadores de Síndrome de Down, Autismo, Transtorno Invasivo do desenvolvimento ou outras síndromes, em escolas públicas e privadas.

O projeto que originou a lei é do deputado estadual Joaquim Ruiz (PTN). A proposta é impedir que pais de alunos com estas características sejam cobrados em taxas, matriculas e rematrículas para que os mesmos sejam mantidos nas instituições.

Permalink

13820327_1230830316962327_232718522_n

DATA

Na quarta-feira, 27/07, é DIA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE TRABALHO e DIA DO DESPACHANTE.

ANIVERSARIANTE

Comemora idade nova nesta quarta-feira, 27/07, em Pacaraima, a senhora MIDIAN ALAIZA DA SILVA.

REAVALIAÇÃO

O Tribunal de Justiça de Roraima, por meio da Comissão responsável pelo Concurso Público para provimento do cargo de Juiz Substituto, publicou no Diário da Justiça Eletrônico desta quarta-feira, 27/07, reavaliação sobre a média final do concurso público. A Decisão tomou como base o art. 8º da Resolução do Conselho Nacional de Justiça nº 75/2009 que determina que a média final, calculada por média aritmética, leve em conta o peso atribuído à cada prova e seja expressa em três casas decimais.

A relação dos aprovados consta no Edital n.º 39/2016 e traz 48 nomes. A lista dos aprovados segue os termos do Edital do Concurso (do Capítulo XVI do Edital n.º 01/2015 de Abertura das Inscrições), observados os critérios de desempate previstos no mesmo Edital.

Dos 986 candidatos inscritos, 48 foram habilitados para o cargo de juiz substituto. Ao longo do concurso foram realizadas provas objetiva, discursiva, prática de sentença cível, prática de sentença criminal, inscrição definitiva, exame de saúde, sindicância e investigação social, prova oral e avaliação de títulos.

A partir de hoje, os resultados de todos os candidatos que realizaram as provas poderão ser verificados no site da Fundação Carlos Chagas (www.concursosfcc.com.br), empresa contratada pelo Tribunal de Justiça de Roraima para o planejamento e realização das diversas atividades do concurso em todas as suas etapas.

DOUTORADO

DSC_7997 (1)
Foto -ASCOM/IFRR


O sonho acalentado desde a infância de estudar na maior universidade pública do País, a Universidade de São Paulo (USP), foi concretizado em julho deste ano pelo professor de História Marcos Antônio de Oliveira, do Campus Amajari do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima.

Oliveira foi selecionado com nota 10 para o doutorado na USP, com área de concentração em Sociologia da Educação. A proposta é estudar a formação do estudante indígena em escolas não indígenas, tendo o Campus Amajari como objeto de estudo. Investigar todas as variáveis na perspectiva do aluno e não da escola foi o diferencial do projeto. As aulas iniciam em agosto.

Para o professor, todo o processo de seleção foi uma surpresa.

O objetivo do trabalho é tentar perceber, ao longo de quatro anos, por que os estudantes saem de suas comunidades para estudar no instituto, qual a perspectiva deles em relação ao IF, o que o IF percebe em relação a eles, por meio dos seus funcionários, docentes e técnicos, e se o IF está cumprindo seu papel como uma escola que deve ser voltada para as questões indígenas.

A pesquisa será desenvolvida com um grupo de alunos desde o ingresso até a formação, e depois desta, verificando como utilizam o conhecimento adquirido nas suas comunidades. O professor lembra que uma das características do Campus Amajari é que a maioria dos alunos ou são ou têm origem indígena. Entender essa realidade étnica e a realidade múltipla que existe na região foi o estímulo para a pesquisa.

Com 22 anos de experiência em sala de aula, Marcos Antônio Oliveira é formado em História pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP) e possui mestrado em História Social. Aprovado em concurso público do IFRR, começou a trabalhar no CAM em setembro de 2015 como professor de História.

Quando chegou a Roraima, o professor ainda não tinha experiência em educação no campo. E foi justamente esse novo momento profissional que reforçou o interesse em desenvolver o projeto para o doutorado.

Quanto ao resultado, a perspectiva do professor é contribuir ainda para a melhoria do ensino ofertado pelo IFRR, para ajudar os indígenas que estão na instituição e possibilitar que o ensino para esse grupo seja mais cada vez mais adequado e corresponda aos interesses deles.

SOCIEDADE

mp3-e1469407426203
Foto – Divulgação
Em breve, o livro da baronesa brasileira Silvia Amélia de Waldner, na versão francesa, passeando pelo seu castelo, o “manoir”, o apartamento em Paris, na rue du Faubourg Saint Honoré, a casa palacete do melhor amigo Givenchy, o poema que Manuel Bandeira fez pra ela, enfim, o livro é uma fotobiografia, resumindo classe e elegância.

A obra será lançada no Rio de Janeiro, na próxima Casa Cor, 1 mil exemplares, com Silvia Amélia presente. A Casa Cor será na casa magnífica de Malu da Rocha Miranda na Rua Marquês de São Vicente.

PRÊMIO

Photo-1
Foto – Divulgação
O Prêmio LUI Che Woo – Prêmio para a Civilização Mundial (“Prêmio LUI Che Woo” ou “o Prêmio”) anunciou na terça-feira, 26/07, seus três primeiros ganhadores.

Os primeiros ganhadores do Prêmio LUI Che Woo 2016 são:

Prêmio Categoria 1: Desenvolvimento sustentável do mundo (Prêmio Sustentabilidade)
Área específica de foco: Suprimento Alimentar Mundial: Segurança Alimentar
Ganhador: YUAN Longping
O Prêmio Sustentabilidade foi concedido ao professor Yuan Longping por seus avanços científicos no cultivo do arroz híbrido de alta produtividade, proporcionando um suprimento alimentar estável e sustentável na China e em áreas que sofrem há muito tempo devido aos riscos da fome. Sua tecnologia de arroz híbrido colaborou significativamente para a melhoria da segurança do suprimento alimentar mundial.

Prêmio Categoria 2: Melhoria do bem-estar da humanidade (Prêmio Melhoria do Bem-estar)
Área específica de foco: Tratamento e/ou controle de epidemias, doenças infecciosas ou doenças crônicas
Ganhador: Medecins Sans Frontieres
A organização Medecins Sans Frontieres (“MSF” – Médicos Sem Fronteiras) recebeu o Prêmio Melhoria do Bem-estar por suas indispensáveis contribuições ao tratamento e controle do surto de cólera no Haiti em 2010 e a epidemia de ebola na África Ocidental em 2014. A MSF fornece assistência médica e humanitária para regiões e áreas de desastre, epidemias ou devastadas por conflitos armados. O trabalho da MSF causa uma melhoria significativa do bem-estar da humanidade.

Prêmio Categoria 3: Promoção da atitude de vida positiva e melhoria da energia positiva (Prêmio Energia Positiva)
Área específica de foco: Indivíduos ou organizações cujo comportamento e realizações inspiram, energizam e trazem esperança ao outro
Ganhador: James Earl “Jimmy” CARTER
O Prêmio Energia Positiva foi concedido a Jimmy Carter por todo o trabalho realizado por ele e pelo The Carter Center estabelecido em 1982, contribuindo significativamente para a promoção de uma atitude de vida positiva e para a melhoria da energia positiva no mundo. Levando a paz, a prosperidade, a boa saúde e a esperança a muitas pessoas, e lutando pelos direitos humanos e por uma sociedade justa, Carter inspira, energiza, leva esperança e compartilha energia positiva com indivíduos ao redor do mundo.

Dr. Lui espera que os três laureados possam seguir em frente em suas respectivas áreas, tornando suas ideias e colaborações acessíveis universalmente para o benefício da sociedade e a irradiação de mais energia positiva para o mundo em geral.

PIONEIRISMO

Solar Impulse
O avião Solar Impulse 2 (SI2), movido a energia solar, terminou a sua volta ao mundo na terça-feira (26/07) ao aterrissar em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos às 4h05 (horário local).

Iniciada em março de 2015, na mesma cidade, a viagem foi realizada em mais de um ano e quatro meses, com 17 etapas e 43 mil quilômetros percorridos.

Com peso de 1,5 tonelada e velocidade média de 50 quilômetros por hora, o Solar Impulse 2 completou a viagem sem usar combustível, apenas baterias que armazenam a energia solar.

Durante a volta ao mundo, o avião fez escalas em Omã, Índia, Mianmar, China, Japão e Estados Unidos, além de ter sobrevoado o mar da Arábia, os oceanos Pacífico e Atlântico, o sul da Europa e o norte da África.

Mais de um ano após o início da sua viagem de volta ao mundo, o avião Solar Impulse retornou a Abu Dhabi, realizando o impossível.
Como parceira oficial do Solar Impulse e parceira-anfitriã do Centro de Controle da Missão em Mônaco, a Moët Hennessy acompanhou o Solar Impulse em cada momento da sua viagem de volta ao mundo.

Depois de uma viagem de 48 horas a partir do Cairo em um cockpit para um passageiro, o piloto, desenvolvedor e presidente do Solar Impulse, Bertrand Piccard, foi saudado em Abu Dhabi por André Borschberg, piloto, CEO e cofundador do Solar impulse. Treze anos depois da visão inicial dos dois de viajar ao redor do mundo apenas usando energia solar, o sonho deles se tornou realidade.

Christophe Navarre, presidente e CEO da Moët Hennessy, testemunhou a chegada no Centro de Controle da Missão em Mônaco. Ao falar com André Borschberg por telefone logo após a chegada de Bertrand Piccard, ele disse: “Parabéns! Você conseguiu! Esta foi uma viagem longa e um importante passo para a humanidade. Estamos orgulhosos e felizes por nossa parceria”. Ele estava acompanhado pelo francês Serge Telle, Ministro de Estado de Mônaco e Raymond Clerc, diretor da missão do Solar Impulse, para oferecer um brinde de Moët & Chandon para toda a equipe em reconhecimento ao seu trabalho incrível e aos valores compartilhados do Solar Impulse e da Moët Hennessy: um espírito pioneiro e cuidado com o planeta.

O Solar Impulse e a Moët Hennessy procuram conscientizar quanto ao vasto potencial das tecnologias limpas. Juntos, eles comemoram um salto rumo a um mundo melhor.

Todos os vinhos e destilados da Moët Hennessy são frutos da terra. Todas as 22 marcas do portfólio da Moët Hennessy adotam uma política ambiental proativa para garantir a transmissão deste patrimônio aos próximos séculos. Todos os vinhedos de todas as Champagne Maisons da Moët Hennessy, Moët & Chandon, Veuve Clicquot, Dom Pérignon, Ruinart, Krug e Mercier, conquistaram o duplo certificado de “Vinhedos Sustentáveis” e “Elevado Valor Ambiental” em 2014. A Hennessy Cognac foi a primeira empresa do setor de vinhos e destilados em todo o mundo a receber um certificado em 1998 para seu sistema de gestão ambiental, o qual é subsequentemente renovado a cada três anos. As propriedades da Moët Hennessy promovem a biodiversidade, a proteção dos habitats locais e a conservação da água em todo o mundo.

Além de ser uma empresa inovadora na área do desenvolvimento sustentável, a Moët Hennessy é conhecida por transpor limites, geográficos e humanos. Desde o início, todas as suas marcas procuraram alcançar níveis mais elevados de excelência e compartilhar seus produtos com novos consumidores de todas as partes do mundo. Os primeiros fornecimentos de Veuve Clicquot à Rússia foram em 1780. Os primeiros fornecimentos de Hennessy para os Estados Unidos foram em 1794. A Moët Hennessy foi a primeira empresa francesa a começar a plantar vinhedos em terras distantes – do espumante Chandon em Mendoza, na Argentina em 1959 ao mais recente lançamento do vinho tinto Ao Yun em Shangri-la, na China, este ano.

Atualmente, a Moët Hennessy exporta 95% da sua produção e é a principal produtora e exportadora de vinhos e destilados de luxo do mundo.

IFRR – AMAJARI


Nesta quarta-feira, 27, a programação será especial no Campus Amajari do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. Além do sarau cultural, acontecerá a premiação da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBMEP), lançamento de livros pela Universidade Federal de Roraima, oficinas, exposições e mesa redonda.

Os eventos iniciam a partir das 9h30, na área de convivência com exposição de rochas e minerais e de banners sobre trabalhos relacionados à geografia de Roraima. Mais de 60 alunos, divididos por turmas, participam de oficinas sobre réplica de fosseis, que acontecem pela manhã e tarde.

oficina de fosseis e lançamento livros da UFRR (1)

Os livros a serem lançados às 15h30 são “Amajari: Um olhar Geográfico”, composto por artigos que oferecem uma ampla visão geográfica do Município do Amajari; e “Geociências da Pan-Amazônia”, que reúne pesquisas dos docentes dos cursos de Geografia e Geologia do Instituto de Geociências (Igeo).

ALUNOS IFRR CAM - FTS CCS-CAM

A programação segue com uma mesa redonda sobre “Dinâmicas da paisagem de Tepequém”. De acordo com o coordenador de Eventos, Ramon Queiroz, na última quarta-feira de cada mês o Campus Amajari tem o Sarau Cultural, e para esse, a programação foi maior. “A editora da Universidade Federal vai montar um estande com material produzido, que estará à disposição para quem quiser comprar, bem como teremos a premiação em quatro modalidades da OBMEP”, disse.

Queiroz comentou a premiação acontece por volta das 17h, com a entrega de certificados aos participantes do ano de 2015; premiação da melhor turma; premiação dos melhores de cada turma; e premiação dos 12 classificados para segunda etapa OBMEP 2016. “E a partir das 18h, o espaço será aberto para recitações e apresentações culturais”, frisou.

PETIÇÃO

A maior área protegida dos oceanos já vista pode ser criada em questão de semanas, simplesmente com uma assinatura do presidente dos EUA Barack Obama!

Entretanto, o insaciável lobby da pesca no Havaí está fazendo de tudo para impedir que isso aconteça. Sem uma onda de pressão popular para proteger os golfinhos, tubarões, tartarugas e outras criaturas que dependem deste oceano, podem perder tudo.

Segundo fontes internas, Obama quer ouvir a opinião da comunidade internacional. Ele sabe que a proteção dos oceanos é uma tarefa global e que uma falha, além de ameaçar criaturas marinhas majestosas, arrisca também a nossa sobrevivência. Basta apenas um clique para assinar a petição abaixo e mostrar a ele que estamos todos no mesmo barco. Quando uma quantidade suficiente de pessoas assinar, será entregue a petição diretamente à Casa Branca e aos líderes locais no Havaí que contam com seu apoio:

https://avaaz.org/po/papahanaumokuakea_loc_rb/?bXaYJgb&signup=1&cl=10405990528&v=79429

Os especialistas dizem que para salvar os nossos oceanos precisamos preservar cerca de 30% dos mares em áreas protegidas o mais rápido possível. A criação deste parque marinho – situado em uma região sagrada que o povo havaiano chama de Papahānaumokuākea – e que alguns consideram como o elo entre seres humanos com o sagrado, seria um grande passo nesse sentido. O parque protegeria 1,6 milhões de quilômetros quadrados de habitat marinho, lar de mais de 7 mil espécies. Cerca de 25% das espécies desta região não podem ser encontradas em nenhum outro lugar do planeta, mostrando que este é um pedaço tão impressionante de nossa preciosa biodiversidade que não podemos nos dar ao luxo de perdê-lo.

Uma outra característica faz de Papahānaumokuākea um lugar único: segundo especialistas, trata-se de um “refúgio climático” especial. Com o aquecimento dos oceanos, a vida marinha está migrando para águas mais frias. E esta reserva, além de grande o suficiente, está situada de maneira perfeita, abrangendo tanto mares tropicais quanto mais temperados. Isso significa que a área poderia sustentar um recife de coral e toda a biodiversidade resultante de uma forma que a maioria dos outros lugares na Terra não teria capacidade.

Nascido no Havaí e, portanto, um herói local, o Presidente Obama já supervisionou a criação de várias áreas marinhas protegidas importantes, mas essa poderia representar a glória para ele: uma conquista que poderia anunciar em casa, no Havaí, em uma grande conferência em setembro.

A indústria da pesca não tem nenhum argumento para se sustentar no debate. Querem, por exemplo, manter a pesca do atum-patudo na área, embora já tenham exterminado 86% da espécie em todo o mundo por meio da pesca predatória. Além disso, apenas cerca de 5% da pesca global deste atum acontece nestas águas – os pescadores estariam livres para continuar pescando em outros lugares.

DADOS

Vienna-Tourist-Board-Bednights

“No primeiro semestre de 2016, Viena provou mais uma vez sua força turística com um crescimento de 4,9%, atingindo a marca de 6.640.000 pernoites”, comemora Norbert Kettner, diretor do Turismo de Viena.

A lista dos 10 principais países de origem dos visitantes de Viena no primeiro semestre de 2016 foi liderada pela Alemanha, com 1.382.000 pernoites (8% a mais que no mesmo período em 2015), seguida pela Áustria (1.370.000, +10%), Estados Unidos (367.000, +6%), Itália (316.000, -4%) e Reino Unido (295.000, +24%).

Entre o sexto e o décimo lugar estão a Suíça (213.000, +2%), a Espanha (177.000, +13%), a França (173.000, +5%), a Rússia (157.000, -28%) e a China (121.000, +9%).

Outros avanços notáveis foram observados nos pernoites de visitantes da Índia (56.000, +39%), dos Países Baixos (111.000, +16%) e da Turquia (80.000, +13%).

Atualmente, Viena conta com 63.400 leitos de hotéis disponíveis. No período de janeiro a junho de 2016, a ocupação média de quartos da cidade ficou em 67% e mais de 80% dos pernoites registrados foram de estrangeiros.

PENOSAS

Gigantes_moda_parar_usar_penas_animais

Loja da Primark na Oxford Street, Londres.

Foto: Luke McGregor/Reuters

A associação Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais (PETA) acabou de dar um grande passo em sua cruzada pelos direitos das aves. Colossos da moda inglesa como Topshop, Primark e ASOS e outras empresas como a espanhola Adolfo Domínguez estão empenhadas a não utilizarem penas em suas coleções, em resposta a uma denúncia da associação sobre os métodos com que o material é obtido. Os responsáveis pela PETA US e PETA Ásia foram até a China, de onde vem 80% do fornecimento de penas de todo o mundo, e gravaram com uma câmera escondida como os trabalhadores das granjas arrancavam as penas em centenas de gansos vivos, deixando feridas abertas e sangrando.

Em maio, a organização publicou a gravação e, depois disso a lista das empresas de moda que estão comprometidas a banir o uso de penas cresce a cada semana.

As penas de aves são usadas para preencher jaquetas ou roupas de cama, entre outras possibilidades, mas como disse Yvonne Taylor, responsável sênior de projetos corporativos da PETA, existem alternativas mais éticas.

A campanha da PETA também denuncia muitas destas granjas que têm acordos com fornecedores da indústria da moda que se beneficiam da norma por uso responsável da pena, recebendo o selo RDS, uma certificação que apenas fabricantes que demonstram respeitar o bem-estar das aves recebem.

No entanto, a RDS negou as insinuações que põem em dúvida a credibilidade do selo e em um comunicado à imprensa afirmou que “qualquer evidência que mostre uma granja arrancar penas de aves vivas resultaria em uma revogação imediata do certificado, notificando o fornecedor envolvido”.

Em seu vídeo, a PETA diz que o preenchimento de um único casaco requer as penas de até sete aves, o que significa que centenas de milhares delas são torturadas em granjas para receber toneladas de penas que demanda o setor a cada ano.

BOLETIM ALE-RR

Como parte da programação do 1º Seminário “Tráfico de Pessoas: Realmente Existe no Estado de Roraima?”, o Chame (Centro Humanitário de Apoio à Mulher), da Assembleia Legislativa de Roraima, realizará no sábado, 30/07, uma panfletagem nos municípios de Rorainópolis, Pacaraima e Bonfim, regiões que são portas de entrada e saída para crimes dessa natureza, inclusive com dimensão internacional, uma vez que esses dois últimos municípios fazem fronteira com a Venezuela e República da Guiana.

A deputada Lenir Rodrigues (PPS), coordenadora do Chame, explicou que a panfletagem será no sábado, devido ao grande movimento nas fronteiras.

Lenir disse que só não haverá panfletagem no município de Caroebe, que faz fronteira com o Estado do Pará, porque não é aberta.
Seminário – Para fortalecer a rede de proteção das vítimas de tráfico de pessoas, nessa sexta-feira, 29/07, das 9h às 12h e das 14h às 18h, no Plenarinho Valério de Magalhães, será realizado o 1º Seminário “Tráfico de Pessoas: Realmente Existe no Estado de Roraima?”.

O evento vai reunir representantes das polícias Federal, Rodoviária Federal, Militar, Civil, Guarda Municipal, além dos centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS).

Este Núcleo está sendo coordenado pelo Chame. “Mas a obrigação não é do Poder Legislativo. Nós, do Legislativo, estamos dando nossa contribuição para fomentar essa discussão e fortalecer essa política de proteção às vítimas de tráfico de pessoas”, esclareceu a parlamentar.

@@@@

Para debater sobre o tema suicídio, alertar e prevenir outros casos, a Lei nº 1.065, de 4 de julho de 2016, de autoria do deputado estadual Evangelista Siqueira (PT), foi sancionada pelo Poder Executivo. A proposição estabelece a inclusão no calendário oficial do Estado a Semana Estadual de Valorização da Vida e Prevenção ao Suicídio, compreendendo o dia 10 de setembro, data estabelecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio.

Motivado por uma situação vivenciada por um pai roraimense, representando a experiência de várias famílias em Roraima, o deputado apresentou o projeto de lei sobre a criação de uma semana específica para discutir sobre suicídio.

Durante a semana específica, a sociedade, juntamente com representantes dos segmentos religiosos, educação, saúde e entidades debaterão sobre suicídio e de que forma evitar, com a realização de atividades “para que possamos buscar valores mais sólidos de como baixar esses índices no nosso Estado e extinguirmos esse mal”, frisou Siqueira.

CVV – Além da Semana de Valoração a Vida e Prevenção ao Suicídio, Roraima terá a partir de outubro deste ano o Centro de Valorização da Vida (CVV), para atender cidadãos com pensamentos suicidas e que precisam, de alguma forma, conversar. Funcionará na sede do Chame, na rua Coronel Pinto, nº 524, no Centro de Boa Vista, em uma sala independente.

Os atendimentos acontecerão por meio de vários canais, tais como via telefone, pelo aplicativo de chamadas Skype, chat, por cartas ou presencial, de forma sigilosa e sem questionamentos.

Em 2015, 32 pessoas tiraram a própria vida em Roraima. De janeiro a junho deste ano, foram 12 registros de suicídios em Boa Vista e sete no interior, conforme dados do Núcleo de Estatísticas e Análise Criminal, da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SESP).
O psiquiatra Christiano Alves alertou sobre os sinais que o paciente emite ao pensar em se matar. “Ele pode até expor isso verbalmente e às vezes à família escuta aquilo e não acredita, não aceita que ele esteja com aquele tipo de pensamento e não dá bola”, explicou.

O psiquiatra pediu para que a atenção seja mais intensa com alguém que apresente essas características e procure atendimento especializado. “A família pode pensar que isso é bobeira, mas é o contrário que deve ser feito. Quando o paciente relata alguma coisa, então tem que ser abordado, conversado sobre aquilo e se realmente for visto, levar esse paciente para o psiquiatra”, disse.
Segundo Alves, o suicídio não está ligado somente com a depressão e que há duas outras patologias de transtornos mentais que podem levar o paciente ao atentado como a bipolaridade e a esquizofrenia. “É observar bem esse paciente e encaminhar o mais rápido possível ao médico”, concluiu.