ENTREVISTA – EMMANUEL SILVA COELHO, 29 anos, natural de Boa Vista, solteiro, torcedor do Palmeiras, é do signo de Escorpião, pai de dois filhos: Vinicius e Joaquim….

0
650

EMMANUEL SILVA COELHO, 29 anos, natural de Boa Vista, solteiro, torcedor do Palmeiras, é do signo de Escorpião, pai de dois filhos: Vinicius e Joaquim. Já trabalhou como funcionário público e agora é vereador de Pacaraima, sendo o atual presidente da Câmara Municipal. A sua relação com Pacaraima é de muito tempo, tendo em vista que é descendente de um dos pioneiros do Surumu, portanto é filho de família tradicional no município.
TR – Antigamente era… Melhor para viver em Pacaraima.

TR – A melhor coisa que aprendi com meus pais… A honestidade.

TR – O que o senhor pode dizer que seja típico seu… A espontaneidade.

TR – A quem o senhor deve uma desculpa ou perdão? À minha família.

TR – Quem merece um muito obrigado? Minha irmã, Marcelle.

TR – Inteligência é… Usá-la para fazer o bem.

TR – Alegria é… Viver a vida.

TR – Mexa comigo, mas não mexa com… Meus filhos.

TR – Em 5 anos quero estar… Com meus projetos realizados.

TR – Pacaraima é… A melhor cidade do estado para viver, mesmo com os atuais problemas.

TR – Política rima com… Paciência.

TR – Quais as suas principais metas a frente da presidência do palácio Francisco Fernandes de Sousa?
EMANNUEL SILVA COELHO – É fazer o diferencial. Ajudar no que diz respeito a qualidade de vida e ao bem estar da população.

TR – O senhor como pessoa oriunda do município como analisa a atual situação pela qual passa Pacaraima?

EMANNUEL SILVA COELHO – Uma situação precária, com a vinda dos imigrantes venezuelanos, quem está sofrendo é a população. Pois os recursos que deveriam ser aplicados com a população do municipio, está sendo usados também com a demanda de venezuelanos, o que afeta a qualidade dos serviços prestados.

TR – Uma das mais importantes funções do Legislativo é fiscalizar atos do Executivo Municipal, recentemente o site e outros veículos de comunicação noticiaram a respeito do concurso público da prefeitura que foi cancelado na atual gestão, o que o senhor como presidente da Câmara Municipal poderia falar sobre o assunto?

EMANNUEL SILVA COELHO – É um assunto delicado porque as pessoas que pediram o cancelamento do concurso, e que foi acatado pelo prefeito Juliano Torquato, depois de uma recomendação feita pelo Ministério Público Estadual são hoje funcionários da prefeitura. Na minha opinião ficaram desacreditadas as justificativas apresentadas. Penso que tenha sido uma manobra, para o concurso não acontecer. Como edil, já procuramos o Ministério Público pra averiguar o andamento desse processo. E quero que o certame seja realizado com a maior brevidade possível.
TR – Na sua opinião como o senhor vê a atual crise política que o Brasil enfrenta?

EMANNUEL SILVA COELHO – Eu vejo que o país está corrompido. Mas, analiso que a culpa maior seja do poder judiciário.

TR – E a de Roraima?

EMANNUEL SILVA COELHO – É reflexo da crise nacional. Não existe consenso entre o Executivo e o Legislativo e quem sofre é a população roraimense. E ainda tem os desvios de recursos.

TR – O senhor poderia deixar uma mensagem à população de Pacaraima:

EMANNUEL SILVA COELHO – “Começamos agora, não temos motivo de colocar a culpa no que está acontecendo na gestão passada e que vamos trabalhar pra melhoria das condições do município, pra Pacaraima ser um exemplo aos demais e aproveitar o potencial turístico. E que todos os munícipes tenham uma boa qualidade de vida.