NOTÍCIAS NACIONAIS – Dr. Renato Ambrósio Jr, no final de Outubro, recebeu a láurea Founder´s Award, concedida pela Sociedade Internacional de Cirurgia Refrativa (ISRS, na sigla em inglês) por suas contribuições na área da Oftalmologia…

0
43
Dr. Renato Ambrósio Jr.

RECONHECIMENTO

Dr. Renato Ambrósio Jr, no final de Outubro, recebeu a láurea Founder´s Award, concedida pela Sociedade Internacional de Cirurgia Refrativa (ISRS, na sigla em inglês) por suas contribuições na área da Oftalmologia.

Dr. Renato Ambrósio Jr. é especialista em córnea, catarata e cirurgia refrativa. Atua e desenvolve pesquisas relacionadas à correção visual a laser e ao ceratocone – doença na qual a córnea apresenta uma instabilidade estrutural ou biomecânica, o que leva à protusão e, consequentemente, a problemas como astigmatismo e irregularidades. Suas contribuições envolvem avanços no diagnóstico do ceratocone e nas condutas de pré-operatório.

Entre as ações desenvolvidas pelo oftalmologista, incluso na lista dos 100 mais influentes oftalmologistas do mundo, destaca-se a campanha Violet June, que busca difundir informações sobre ceratocone para a população. Lançada em junho deste ano, a campanha tem como lema principal “não coçar os olhos, pois o ato de coçar prejudica a visão”. Campanha ficou conhecida mundialmente e, em dezembro, ele lançará um livro para a educação ao paciente: “Tenho Ceratocone, E Agora?”, pela Editora BUQUI.

Para Ambrósio Jr., é uma grande honra representar o Brasil com este reconhecimento da ISRS.

Sobre a premiação

A ISRS, parceira da Academia Americana de Oftalmologia (AAO), é a principal organização mundial de cirurgiões refrativos do mundo. A cada ano, a instituição premia seus membros por suas contribuições especiais, bem como por sua dedicação ao campo. O Founder´s Award reconhece a visão e o espírito dos fundadores da Sociedade ao honrar um membro da ISRS que fez contribuições para o crescimento e avanço da Sociedade e sua missão. Saiba mais em: https://www.isrs.org/.

########################################################

 

########################################################

CUIDADOS

Grande parcela das amputações decorrentes do pé diabético é evitável, segundo o Ministério da Saúde.

O cuidado adequado poderia impedir 70% das 55 mil cirurgias realizadas no Brasil. Para conscientizar a população sobre terapias apropriadas que podem evitar medidas como essa, sete entidades promovem a campanha O Tempo Não Cicatriza. Para feridas complexas, o tratamento é o melhor remédio. As informações estão disponíveis no site www.otemponaocicatriza.com.br e na página da ação no Facebook, que tem o apoio da Acelity, líder na área de tratamento de feridas complexas no Brasil e em todo o mundo.

A iniciativa aborda riscos e atenção necessários para diversas feridas crônicas, como o pé diabético.

Vários recursos disponíveis contribuem na diminuição do tempo de cicatrização de feridas complexas.

########################################################

DO SER (IN) HUMANO

Foto – Divulgação

Um homem de Caraguatatuba foi multado pela Polícia Militar Ambiental de Caraguatatuba (SP) por dopar e atear fogo em um cão ainda vivo.

De acordo com a PM, o advogado foi filmado cometendo o delito em uma rua do bairro Jd. Jaqueira, na última sexta-feira (9/11).

Depois do vídeo circular por redes sociais e ser denunciado às autoridades, a Polícia Militar Ambiental localizou o homem em sua residência. O advogado confessou ter sedado o animal e ateado fogo ao corpo do mesmo, devido a um câncer em sua pata, que, de acordo com o tutor, era incurável.

O homem foi multado no valor de R$ 3.000,00 pelo artigo 32 da Lei Federal 9.605/98 (maus-tratos com o resultado morte). Devido o agravante de morte do animal, foi a multa foi dobrada, totalizando R$ 6.000,00.

O advogado, que apresenta-se como perito ambiental em seu currículo profissional, declarou aos policiais que seu cão estava doente com câncer em fase terminal e que injetou anestésico (Anasedan injetável).

Depois disso, ele levou o animal até a Rua Jorge Burihan, no bairro Jd. Jaqueira. Nesse local, o advogado teria ateado fogo no animal supostamente vivo, porém dopado.

Segundo ele, foi efetuado contato telefônico com a veterinária responsável pelo tratamento do animal, o que foi confirmado pela clínica veterinária.

Segundo a veterinária, o animal foi atendido no dia 4 de outubro e foi diagnosticado com um tumor maligno. Não foi indicada cirurgia, apenas tratamento paliativo para a dor.

A Polícia Militar ambiental esclarece que, ao sacrificar um animal doente, deve-se consultar profissionais com experiência na área e grupos taxonômicos envolvidos para assegurar a adequação da técnica.

No caso de clínicas veterinárias, os procedimentos de eutanásia devem ser supervisionados, mesmo que não de forma presencial, pelo responsável técnico pela instalação animal, que deve ter o título de médico veterinário com registro ativo no conselho regional de medicina veterinária.

########################################################

DO SER (IN) HUMANO II

Denúncias de maus-tratos a animais de rua foram confirmadas na manhã de sexta-feira (9/11), no Bairro meia Praia, em Itapema (SC).

A equipe do GOR (Grupo de Operações e Resgates) de Porto Belo foram até o local onde foi constatado, juntamente com o médico veterinário, Dr. Felipe Sarachi, que os cães estavam sob efeito de alguma substância sedativa.

Há suspeitas de que os moradores de rua, que estavam próximos aos animais, tenham dado bebida alcoólica para os cachorros.

A Polícia Militar esteve presente na ocorrência e confeccionou um termo circunstanciado aos suspeitos, pelo crime de maus tratos.

Os animais foram recolhidos e serão enviados para adoção responsável.

Em dezembro do ano passado, outro caso semelhante foi registrado no bairro.

########################################################

DO SER (IN) HUMANO III

Foto – Divulgação

A Associação Patinha Carente denunciou, no domingo (11/11), um caso de maus-tratos contra animal. De acordo com a presidente da ONG, Vanessa Facundes, vizinhos de um homem na Rua Valdomiro Lopes, bairro Conquista, em Rio Branco (AC), entraram em contato com a ONG e relataram que ele matou um cachorro porque o animal estava doente.

Conforme a denúncia dos vizinhos, o homem teria dado pauladas no animal na noite de sábado (10) e pela manhã do domingo, como o cachorro não tinha morrido, ele acabou enforcando o bichinho com um fio.

A presidente da ONG conta que foi até o local e chamou a Polícia Ambiental que esteve lá e localizou o suspeito. Segundo ela, o homem estava em um bar e chegou a assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

########################################################

ESPORTE

O jogador Antonio Carlos, da SE Palmeiras, em jogo contra a equipe do SC Corinthians P, durante partida válida pela quinta rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, na Arena Corinthians.

Foto – Divulgação

A derrota para o Cruzeiro no último dia 12 de setembro, pelas semifinais da Copa do Brasil, no Allianz Parque, foi o último revés do zagueiro Antonio Carlos com a camisa do Palmeiras. De lá para cá, o defensor entrou em campo em oito oportunidades tendo quatro vitórias e quatro empates.

Se Antonio Carlos mantiver a série invicta pelo Palmeiras, o defensor tem tudo para fechar o ano comemorando o título de campeão brasileiro. Restando cinco rodadas para o término da competição, o Verdão tem cinco pontos de vantagem para o Internacional, vice-líder da Série A.

Há tanto tempo invicto, Antonio Carlos valoriza os resultados do Palmeiras mesmo após as eliminações na Copa do Brasil e Libertadores.

Um dos motivos que fazem o Palmeiras liderar o Brasileirão é o desempenho defensivo da equipe. Em 33 rodadas, o Verdão sofreu 23 tentos, a melhor defesa da Série A.

Diante do Atlético Mineiro, no último domingo, 11/11, na Arena Independência, Antonio Carlos foi titular palmeirense. A partida foi a de número 52 dele em 2018, um recorde na trajetória do zagueiro de 25 anos. Anteriormente, o ano com o maior número de jogos foi 2014, quando atuou em 51 partidas pelo Avaí.

O Palmeiras volta a campo pelo Campeonato Brasileiro nesta quarta-feira, às 21h45, contra o Fluminense, clube no qual Antonio Carlos teve uma passagem nas categorias de base. O confronto está confirmado para o Allianz Parque.

Ranking de jogos de Antonio Carlos por temporada:

1º lugar – 52 partidas (2018 – Palmeiras)

2º lugar – 51 partidas (2014 – Avaí)

3º lugar – 41 partidas (2015 –  Avaí)

########################################################

ESPORTE II

Foto – Divulgação

Revelado pelo Atlético Paranaense e com passagens por Avaí, Joinville, JMalucelli e Ypiranga, além das seleções brasileiras de base, o lateral-esquerdo Héracles resolveu dar um ponto final na sua carreira. Desde 2013, o defensor vinha enfrentando sérias lesões que prejudicavam o seu desempenho dentro de campo. Comprometido, ele entendeu que não poderia voltar a atuar em alto nível, por isso, decidiu se aposentar aos 26 anos de idade.

Em carta aberta, Héracles contou os motivos que o fizeram tomar a decisão de se aposentar dos gramados. O lateral também agradeceu a todas as pessoas que fizeram parte da sua trajetória no futebol.

Confira a carta na íntegra:

Desde 2013 vinha tendo que lidar com uma lesão muito grave no joelho e uma fratura no tornozelo. Tive que tomar muitos remédios e enfrentar o stress e a pressão do tratamento. Por isso, acabei tendo uma desordem hormonal. Segui firme pelo meu sonho e superei estas adversidades. Depois de tudo isso, tentei retomar a minha carreira, mas sentia que não conseguia atingir o meu máximo.

Após um ano pensando nesta decisão junto com a minha esposa, achamos que era melhor eu encerrar a minha carreira profissional. Tenho a minha consciência muito tranquila. Fiz tudo que era possível para seguir atuando e saio de cabeça erguida. Também me sinto realizado. Aos 17 anos, fiz meu primeiro jogo como profissional. Fui convocado algumas vezes para a seleção brasileira de base e disputei os principais campeonatos do Brasil, desde a Série A até a Série C. Tive muitas conquistas e aprendizados. Por onde passei me entreguei de corpo e alma. Agora estou disposto a buscar novos rumos para a minha vida.

Gostaria de agradecer de uma forma muito especial à Deus e à minha esposa, que viveu comigo todos estes momentos de dificuldade e sempre esteve me apoiando. Ao meu empresário, Tiago Silva, que está presente na minha vida desde os meus 13 anos de idade e sempre me deu todo suporte e acolhimento. Ao Atlético Paranaense e todos os profissionais do clube, onde fui formado e me profissionalizei. Ao Avaí, que abriu as portas para mim e onde consolidei minha carreira. Aos médicos, Dr Rene Abdala e a sua equipe, e Dr Caio Nery e todos que trabalham com ele. Fica aqui o meu agradecimento aos dirigentes, torcedores, familiares e amigos que me apoiaram ao longo da minha carreira. Saí do Ceará com a meta de me tornar profissional, consegui realizar este sonho e viver intensamente cada minuto. Só tenho que agradecer a todos neste momento. Deixo aqui o meu muito obrigado.

Héracles

Carreira de Héracles:

2009 a 2012 – Atlético Paranaense

2013 – Avaí

2014 – Atlético Paranaense

2015 e 2016 – Joinville

2017 – JMalucelli

2017 – Ypiranga

Jogos de Héracles:

Atlético Paranaense – 85 jogos

Avaí – 18 jogos

Ypiranga – 7 jogos

Joinville – 5 jogos

JMalucelli – 4 jogos

Total: 119 jogos

########################################################

CEMITÉRIO

Foto – Divulgação

Três cemitérios com centenas de carcaças de animais; aproximadamente 500 cachorros de diferentes raças, sexos e idades; cerca de 200 gatos, na mesma situação e ainda outros animais de médio e grande porte. Todos em situação de maus-tratos.

Foi isso o que agentes da Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema) e fiscais do Ibama descobriram na tarde de segunda-feira (12/11) ao visitarem um local conhecido como “santuário”, na cidade de Apodi, a 380 quilômetros de Natal (RN).

Também foram encontrados animais silvestres: um macaco prego, um tucano e alguns papagaios. E há outros dois detalhes que tornam a história mais complicada ainda. Um deles é que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) leva animais para este terreno.

O outro é que a comida dada aos animais não é adequada e há uma suspeita de que parte dela é feita com carcaças de outros animais.

A descoberta só foi possível graças a uma denúncia feita ao vereador Sandro Pimentel (PSOL), da Câmara Municipal de Natal. Foi ele quem alertou a Deprema sobre a situação.

De acordo com o delegado, o responsável pelo terreno será autuado por maus-tratos, que não gera detenção; e crime ambiental.

Além disso, o caso continuará sendo investigado para saber se ele recebe algum valor referente a convênios para, por exemplo, receber os animais encaminhados pela PRF ou por alguma prefeitura da região. De acordo com o delegado não há como dizer ainda há quanto tempo os animais estavam na situação encontrada, mas ele estima que isso aconteceria há pelo menos mais de um ano.

O delegado observou que o maior problema da situação é mesmo não ter para onde remover esses animais. O caminho seria começar a pressionar para que o proprietário melhore as condições de estrutura. O Ministério Público será comunicado dos problemas para também atuar no caso.

Sandro Pimentel, o vereador que denunciou o problema às autoridades, disse que o caso era tão absurdo que ele não conseguiria descrever a situação encontrada em Apodi.

O vereador – que é deputado estadual eleito – disse que vai acionar a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) para fazer um trabalho no sentido de dar tratamento a esses animais e também de separá-los por sexo e por condição de saúde.